Reserva: Impacto Social no Varejo

banner da campanha 1 peça = 1 prato da marca Reserva

Desde sua fundação, em 2006, a Reserva sempre teve papel de destaque não apenas no segmento de moda masculina, mas no mercado do varejo brasileiro como um todo. E esse destaque vem de algo que está no seu DNA: a Inovação.

Decidida a combater a ideia de que “homens não curtem moda”, a Reserva sempre buscou mais do que vender seus produtos, investindo seus esforços em transmitir o conceito da marca e cativar o público que se identifica com seus valores e ideias.

A revolução proposta pela Reserva na forma de vender e de se comunicar com o consumidor teve vários momentos marcantes, como a escolha de modelos “fora do padrão” para estampar seus catálogos, o desfile-protesto no Fashion Rio, a campanha Língua Brasileira, que “desfilou” por 52 quilômetros, 6 casais em um “beijaço” pelas ruas do Rio de Janeiro, e também a “virtualização” dos desfiles, com a transmissão ao vivo pela internet, trazendo a experiência das semanas de moda para mais perto do seu fiel público online, que possibilitou à Reserva se tornar a primeira marca de moda brasileira a alcançar 2 milhões de fãs no Facebook.

E justamente por estar próxima e disposta a ouvir seus consumidores, a Reserva também vai além da tradicional estratégia de vender um produto de qualidade, mas incluindo algo “especial” em sua experiência de compra, o que valoriza a marca e seus produtos: O impacto social gerado com o consumidor.

Reserva: 1 Peça = 5 Pratos

banner da campanha 1 peça = 1 prato da marca Reserva

A estratégia adotada na campanha da Reserva é muito simples e efetiva: a cada peça de roupa vendida, a marca se compromete a viabilizar a entrega de 5 pratos de comida para quem precisa. E o convite à participação do consumidor é feito de forma sutil, ao incluir o impacto social em uma ação rotineira sua, sem demandar qualquer esforço ou investimento adicional, dando destaque à sua participação como o pontapé inicial do processo.

Fica para o consumidor a sensação satisfatória de doar e ajudar o próximo, e essa sensação se associa ao ato de comprar uma peça da Reserva. É uma mecânica inteligente, que torna a experiência de compra mais positiva.

E parte importante de toda a campanha é a comunicação: Em seu site, a Reserva utiliza o selo “Capitalismo Consciente”, além de ter criado uma landing page própria para a campanha 1P = 5P.

A página da campanha, construída no formato de storytelling, não apenas transmite o impacto gerado pela campanha, de mais de 17 milhões de pratos de comida doados (um número impressionante e que é exposto com muito orgulho pela marca), mas também mostra ao consumidor a situação da fome no Brasil, reforçando a credibilidade da campanha e engajando o consumidor, que assume um papel de protagonismo na campanha, já que as doações são vinculadas diretamente à sua compra.

capitalismo consciente banner Reserva

banner de impacto social no ecommerce da Reserva

A landing ajuda a Reserva a reforçar a relação entre o produto e o impacto social causado, deixando a mensagem de que comprar os produtos da marca traz um valor social único para a experiência de compra, superando a experiência oferecida pelos concorrentes.

Mas como a experiência de compra não se encerra com o pagamento, a Reserva vai além e usa as tags que acompanham as roupas (tanto nas vendas feitas em lojas físicas quando no e-commerce da marca) para passar sua mensagem final e “premiar” o consumidor com a “materialização” da sua boa ação, reforçando a ideia do capitalismo consciente e destacando o diferencial da marca, ao mostrar para este consumidor que mais que fazer uma compra, ele ajudou uma causa. A tag também serve como uma lembrança para trazer o consumidor de volta para uma próxima compra, fidelizando e criando um fã da marca Reserva.

tag impacto social reserva ecommerce

O impacto social positivo é reconhecido como parte da proposta da marca e isso amplia o valor que ela tem com seu consumidor. Sabiamente a Reserva consegue transmitir isso para seus produtos de forma inteligente e forte. Com essa ideia a marca, consumidores e a sociedade ganham.

Impacto Social no Varejo

Dentro da nossa experiência em impacto social no e-commerce, apontaríamos uma possível melhoria na jornada da Reserva: Falta para a marca sinalizar no produto e no carrinho a campanha. Quem entra direto em um produto não sabe desse valor social nas peças.

E apesar dessa ideia parecer restrita a grandes marcas como a Reserva, o objetivo do Polen é justamente mudar isso: Nossa estratégia de conversão de vendas possibilita que qualquer e-commerce inclua o impacto social positivo em seu processo de vendas, valorizando sua marca e fidelizando consumidores.

Conheça mais do Polen e cadastre seu e-commerce agora!